Uma advogada mineira postou, em suas redes sociais, informações ofensivas e desrespeitosas, atacando injustamente a classe médica e incentivando os pacientes a processarem os médicos.

Diante da lamentável conduta da referida advogada e presidente de uma Comissão da OAB-MG, diversas instituições médicas e outros Conselhos de Medicina solicitaram às respectivas Seccionais da OAB a adoção das providências que o caso requer e, na data de hoje, este CRM-PI também formulou à OAB-PI o pedido de representação em face da citada advogada junto à OAB, Subseção de Contagem-MG, uma vez que tal postura, além de totalmente injusta com a classe médica, contraria a moralidade, a Justiça e a paz social previstas no Código de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB e o Estatuto da Advocacia.


Fonte: CRM-PI
sol.oab-picontra adv

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.